Esportes

Brasil vence Estados Unidos e está na semifinal dos jogos Pan-americano de Lima

A seleção brasileira feminina de vôlei está na semifinal dos Jogos Pan-Americanos. Nesta sexta-feira (09.08), o Brasil levou a melhor sobre os Estados Unidos por 3 sets a 0 (25/21, 25/22 e 25/17), em 1h43 de jogo, em Lima, no Peru. O resultado fez o time do treinador José Roberto Guimarães terminar a primeira fase da competição com duas vitórias e um resultado negativo.

O Brasil aguarda os resultados das partidas desta sexta-feira para conhecer o adversário e o horário da semifinal. As semifinais serão disputadas neste sábado (10.08), às 20h30 e às 22h30 (horários de Brasília). O SporTV 2 e a Rede Record transmitirão ao vivo.

A oposta Lorenne teve grande atuação e foi a maior pontuadora do confronto, com 23 pontos. A atacante Paula Borgo que entrou bem no confronto foi outro destaque, com 12 acertos. Pelo lado dos Estados Unidos, destaque para a oposta Rivers, com 13 pontos.

“A partida contra os Estados Unidos foi uma final para a nossa equipe. Estudamos o time delas ontem até tarde. Tínhamos que vencer para garantir a classificação para a semifinal. O grupo todo jogou bem e acredito que esse foi o nosso diferencial no confronto contra as norte-americanas. Fiquei muito feliz com a nossa atuação”, disse Lorenne.

O treinador José Roberto Guimarães elogiou a atuação das brasileiras e a postura no duelo contra os Estados Unidos.

“O time entrou melhor em quadra hoje em todos os fundamentos. A Paula também entrou bem na partida e deu uma energia boa para o grupo. Apesar dela não ter jogado na posição de costume, foi muito efetiva nas bolas altas e distribuiu o jogo com a Lorennne. O time se arrumou em quadra, defendemos mais e o passe fluiu um pouco melhor. Voltamos a jogar no nosso padrão de jogo”, afirmou José Roberto Guimarães.

Nessa temporada, a seleção feminina carimbou no último sábado (03.08) o passaporte para os Jogos Olímpicos de Tóquio ao terminar o Pré-Olímpico com três vitórias em três jogos. No final de julho, as brasileiras conquistaram a medalha de prata na Liga das Nações. A fase final da competição foi disputada em Nanquim, na China. Na ocasião, três brasileiras entraram na seleção da Liga das Nações. A levantadora Macris, a ponteira Gabi e a central Bia foram eleitas as melhores das suas posições.

O JOGO

O Brasil fez os três primeiros pontos do jogo. Bem no saque, os Estados Unidos empataram a parcial (3/3). O bloqueio e o saque das brasileiras eram eficientes e o Brasil foi para a primeira parcial vencendo por 8/4. Os Estados Unidos cresceram de produção e viraram o marcador (11/10). O set ficou disputado ponto a ponto. Os Estados Unidos foram para o segundo tempo técnico com um de vantagem (16/15). Com dois pontos de bloqueio da central Lara, o Brasil assumiu a liderança no marcador (18/16). Numa bola de segunda da levantadora Macris, o time verde e amarelo abriu três pontos (20/17). O Brasil manteve a vantagem até o final e venceu o primeiro set por 25/21.

O time verde e amarelo manteve o bom momento e fez os três primeiros pontos do segundo set. Depois de um longo rally, o Brasil fez 9/7. O jogo ficou disputado ponto a ponto. Com um ponto de saque, os Estados Unidos fizeram 14/13. A oposta Lorenne cresceu de produção e o Brasil abriu dois pontos (17/15). A atacante Paula Borgo entrou bem na partida e as brasileiras abriram quatro pontos (22/18). O Brasil segurou a vantagem até o final e venceu a segunda parcial por 25/22.

A oposta Lorenne seguiu melhor e fez 4/2 no início do terceiro set. Com volume de jogo, os Estados Unidos viraram o marcador (6/5). O time norte-americano foi para o primeiro tempo técnico com um de vantagem (8/7). As brasileiras abriram três pontos (13/10) e o treinador norte-americano pediu tempo. O Brasil cresceu de produção na reta final da parcial e venceu o terceiro set por 25/17 e o jogo por 3 sets a 0.

EQUIPES:

BRASIL – Macris, Lorenne, Maira, Lana, Mara e Lara. Líbero – Natinha
Entraram – Paula Borgo, Juma e Mayany
Técnico – José Roberto Guimarães

Jogos Pan-Americanos – Lima/Peru

07.08 (QUARTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Porto Rico (25/16, 25/16 e 25/15)
08.08 (QUINTA-FEIRA) – Brasil 0 x 3 Argentina (23/25, 19/25 e 23/25)
09.08 (SEXTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Estados Unidos (25/21, 25/22 e 25/17)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

CBV