Odelmo Leão se declara pré-candidato ao governo de Minas no próximo ano


Agora é oficial. A sucessão mineira já conta com um nome disponível para disputar a terceira via: Odelmo Leão, (PP) prefeito de Uberlândia. Ele definiu a respeito do tema, justamente nas comemorações dos seus 75 anos, semana passada.

O chefe do Executivo reverberou os apelos de lideranças ruralistas da região e do estado para que houvesse o seu engajamento neste projeto, aspirando conquistar o comando da Cidade Administrativa, sede do governo estadual.

O lançamento do nome de Odelmo como pré-candidato vai movimentar os bastidores da política mineira. Até então, o governador Romeu Zema (Novo) havia demonstrado interesse em disputar a reeleição, embora sua popularidade esteja concentrada apenas nas pequenas cidades, especialmente nas regiões mais distantes da capital.

Já o prefeito da capital mineira, Alexandre Kalil (PSD), apresenta o seu projeto político, visando participar do pleito de 2022 a partir de busca de alianças. Ele, segundo fontes, teria o apoio de muitos deputados estaduais. Esse trabalho de aproximação está sob o comandado do presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Agostinho Patrus (PV), tendo como pivô desse diálogo o secretário de Governo da Prefeitura de Belo Horizonte e ex-presidente da Casa Legislativa, Adalclever Lopes (MDB). Outrossim, algumas forças políticas já sinalizam um possível apoio do PT mineiro ao prefeito.

Liderança do Triângulo

Segundo revelações, Odelmo aceitou esse desafio depois de ouvir o apelo de muitas lideranças. As argumentações foram diversas e uma delas é que após o ex-governador Rondon Pacheco, em 1970, nunca mais o município elegeu um governador. Atualmente, Uberlândia é o segundo colégio eleitoral e um dos maiores celeiros de desenvolvimento do país, ostentador de uma economia diversificada, capaz de gerar riqueza e bem-estar à população.

O novo projeto político do prefeito uberlandense faz parte de uma estratégia mais ampla, perpassando pela candidatura da primeira-dama do município, a secretária Ana Paula Junqueira à Câmara Federal.

A partir dessa realidade, encerram-se as especulações de que não havia um nome para ser a opção dos eleitores como terceira via. Relativamente ao perfil público, é sempre bom lembrar que Odelmo é um líder político aprovado; ex-deputado federal de inúmeros mandatos, prefeito por diversas vezes, tendo em seu currículo uma informação relevante: nunca perdeu uma eleição. Aliás, sua reeleição para o posto de prefeito, ano passado, se deu com mais de 70% dos votos. Talvez, por isso, o seu nome se tornou uma liderança regional.

Além disso, ele tem um histórico de empresário e produtor rural bem-sucedido. É um dos nomes mais respeitados na liderança do agronegócio em Minas e no Brasil. Já foi presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg), presidente do Sindicato Rural de Uberlândia e secretário de Estado da Agricultura de Minas Gerais.

Fonte: http://edicaodobrasil.com.br/2021/05/28/odelmo-leao-se-declara-pre-candidato-ao-governo-de-minas-no-proximo-ano/