Nova cepa do coronavírus pode estar circulando em Uberlândia


Durante uma live realizada neste domingo, 21, pelo assessor da rede de urgência e emergência de Uberlândia, Clauber Lourenço, e a secretária de Governo e Comunicação, Ana Paula Junqueira, o comportamento da doença e de mortes na cidade aponta a presença da nova cepa do coronavírus.

A live foi realizada para falar sobre a situação da cidade no atual momento da pandemia.

Na fala do próprio Clauber Lourenço, é um “ledo engano achar que ‘a variante brasileira do coronavírus’ já não chegou aqui em Uberlândia. Nós estamos a 100 km de Uberaba. Já chegou, explica as mortes de pessoas tão jovens, que antes não tinha”.

Ele explicou que ainda não há comprovação laboratorial de que a variante esteja circulando na cidade, mas entre as principais possíveis evidências, está o fato de pessoas mais jovens, abaixo de 30 anos, estarem morrendo com o vírus.

Além disso, Uberaba, que está a 100 km de Uberlândia, já recebeu 18 pacientes de Manaus, onde houve o primeiro registro da mutação chamada de P.1..

Somente na última semana Uberlândia registrou duas mortes de pacientes com menos de 30 anos: um rapaz de 21 anos no sábado, 20, e uma mulher de 24 na quinta-feira, 18.

Ainda de acordo com Clauber Lourenço, o processo para identificação e comprovação da tipagem só pode ser feito por exames e é demorado. O que já se sabe sobre a mutação é que tem um poder muito maior de disseminação e aparentemente, mortalidade maior.

Já a secretária de Governo e Comunicação Ana Paula Junqueira usou a fala do prefeito, pedindo ao Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) mais participação no tratamento de pacientes com Covid-19. O HC atua com 16 leitos de UTI exclusivos para tratamento da Covid.

Fonte: http://v9vitoriosa.com.br/geral/nova-cepa-do-coronavirus-pode-estar-circulando-em-uberlandia/